Efemérides Leopoldinenses: Fevereiro

O mês de fevereiro na história de Leopoldina.

3 de fevereiro

1889

Nasce em Leopoldina, Manoel Funchal Garcia, patrono da cadeira nº 12 da Academia Leopoldinense de Letras e Artes. [Arquivo da Diocese de Leopoldina, Livro 3 de batismos, fls 80]


11 de fevereiro

1900

Inaugurada a iluminação a gás em Leopoldina.


12 de fevereiro

1868

Criado Comando da Guarda Nacional em Leopoldina.

1874

Gama Cerqueira e Joaquim Barbosa de Castro são nomeados inspetores de instrução pública em Leopoldina. [Diário de Minas, edição 206, 12 fev 1874, página 2]


13 de fevereiro

1857

Notícias do Correio Oficial de Minas, 23 fev 1874, página 4:

– Ângelo Lopes dos Reis é nomeado como professor substituto de primeiras letras em Leopoldina;

– José Augusto Monteiro de Barros e Francisco José de Freitas Lima são nomeados juízes municipais substitutos.

1891

O Distrito de Nossa Senhora das Dores do Monte Alegre do Pomba, atual Itapiruçu, é transferido de Leopoldina para Palma, conforme Decreto Provincial 374 desta data.


18 de fevereiro

1855

Aberto o Primeiro Livro de Batismos, com o assento relativo a Cristina, filha de Francisco de Vargas Corrêa e Venância Esméria de Jesus, neta paterna de Francisco de Vargas e Teresa Maria de Jesus e neta materna de Antonio Rodrigues Gomes e Rita Esméria de Almeida. Há, porém, uma questão ainda não solucionada sobre este assento. Segundo a lápide do túmulo de Cristina, ela nasceu aos 21 de janeiro de 1853. Teria sido um engano da época do óbito, em 1907?

Quando se procura pelos primeiros livros de batismos em Leopoldina, verifica-se que o volume tido oficialmente como número 1 é uma transcrição iniciada pelo Padre José Francisco dos Santos Durães no dia 10 de abril de 1885 e concluída pelo Cônego José Ribeiro Leitão aos 28 de dezembro de 1958. O original não foi preservado e as datas demonstram que o trabalho não parece ter sido realizado com os devidos cuidados. Neste volume não há referência ao Termo de Abertura do original e o primeiro batismo é de 1852, de uma criança da família Monteiro de Barros. Os seis assentos seguintes, na mesma página, são de batismos dos anos de 1861, 62 e 63. No verso, o primeiro é de 1863 e a seguir vem a transcrição do batismo de Cristina, acima citado, acrescentando que ela teria nascido em dezembro de 1854.
A propósito, esclareça-se que os batismos realizados ao tempo do ainda Curato de São Sebastião do Feijão Cru devem ter sido lançados nos livros da Freguesia, que ainda não foram localizados. Estariam no arquivo da Arquidiocese do Rio de Janeiro, a cujo bispado o Feijão Cru estava subordinado.

1856

Iniciado o Registro de Terras em Leopoldina.

1883

Notícias sobre Libertação de Escravos em Leopoldina.

1915

Matéria paga publicada no jornal Correio da Manhã desta data, página 5, traz um conjunto de informações do município de Leopoldina naquele momento.


20 de fevereiro

1848

O mais antigo batismo registrado em livro da Paróquia de São Sebastião do Feijão Cru.

21 de fevereiro

1851

Aberto o Alistamento dos Votantes do Curato de São Sebastião do Feijão Cru, então distrito de São João Nepomuceno, constando de 8 quarteirões nos quais foram computados 357 votantes. [Arquivo Público Mineiro, PP 11 cx 36 pacote 29].


22 de fevereiro

1895

Autorizada a compra de um prédio para a Câmara Municipal de Leopoldina.


24 de fevereiro

1882

Juízes de paz multados por não terem presidido as respectivas juntas de alistamento eleitoral.


25 de fevereiro

1875

Nasce em Abaíba, Custódio Monteiro Ribeiro Junqueira, patrono da cadeira nº 16 da Academia Leopoldinense de Letras e Artes.  [Cemitério Nossa Senhora do Carmo, Leopoldina, MG, data na lápide no túmulo]


27 de fevereiro

1945

Nasce em Leopoldina Luiz Raphael Domingues Rosa, patrono da cadeira nº 14 da Academia Leopoldinense de Letras e Artes.

Efemérides Leopoldinenses: Abril

O mês de abril na história de Leopoldina.

1 de abril

1841

A povoação de São João Nepomuceno é elevada à categoria de Vila através da Lei Mineira nr. 202.


6 de abril

1839

Criação do distrito de Rio Pardo, atual município de Argirita, através da Lei Mineira nr. 147.

1882

Professora Idalina Feu Lobo é nomeada para a cadeira do sexo feminino da Freguesia do Rio Pardo, termo de Leopoldina.[3]


9 de abril

1899

Nesta data foi lançado o segundo livro de Dilermando Cruz: Diáfanas.


12 de abril

1910

Criação da Colônia Agrícola da Constança.


16 de abril

1900

Criado um Curso Noturno em Leopoldina, sob a direção de Dilermando Cruz.


18 de abril

1895

Primeira edição do jornal Gazeta de Leopoldina.

Rescaldo da primeira página da Gazeta de Leopoldina


19 de abril

1883

Escola para o sexo feminino tem mobília comprada através de contribuição de moradores de Leopoldina.

1897

Nasce em Aiuruoca, MG, Judith Lintz Guedes Machado[1], patrona da cadeira nº 4 da Academia Leopoldinense de Letras e Artes


20 de abril

1851

Primeiro Batismo em Piacatuba.


21 de abril

1893

É publicado o poema de Américo Lobo Leite Pereira denominado Partilha Mystica.


22 de abril

1934

Morre em Belo Horizonte o jurista e poeta Antônio Augusto de Lima, patrono da cadeira nº 18 da Academia Leopoldinense de Letras e Artes.


24 de abril

1889

Irmandade do Santíssimo Sacramento faz campanha para arrecadar recursos  e levar água potável até a Igreja Matriz de São Sebastião.


27 de abril

1854

Lei nr. 666 eleva o Distrito do Feijão Cru à categoria de Vila com o nome de Leopoldina.


30 de abril

1881

Visita do Imperador Pedro II a Leopoldina.

1899

Nasce em Leopoldina, José Ribeiro dos Reis[2], patrono da cadeira nº 24 da Academia Leopoldinense de Letras e Artes.


[1] Cemitério Nossa Senhora do Carmo, Leopoldina, MG, data na lápide no túmulo.

[2] Academia Leopoldinense de Letras e Artes, Discurso de Posse da Acadêmica Glaucia Nascimento Costa de Oliveira, 31 mar 2013.

[3] Relatório de Antonio Gonçalves Chaves para a Assembléia Provincial de Minas em 2 de agosto de 1883, pag AD24

Quando nasceu Jerônima de Mesquita?

É possível encontrar, em muitas publicações, informações sobre esta pioneira da luta pelos direitos da mulher, incluindo o direito de voto.

De modo geral, informa-se que nasceu em Leopoldina no dia 30 de abril de 1880 e que o dia de seu aniversário passou a marcar o Dia Nacional da Mulher.

Qual não foi a surpresa quando procuramos o seu batismo em Leopoldina! Num mesmo livro encontramos os três assentamentos abaixo.

Um dos assentos de batismo de Jerônima MesquitaTermo número 321, página 35

Aos vinte e cinco dias do mês de Junho do Anno de mil oito centos e oitenta n’esta Freguezia de S. Sebastião da Cidade Leopoldina o Padre Luiz Lopes Teixeira baptisou solemnemente e poz os Santos Oleos a innocente Jeronima, filha legitima de Jose Jeronimo de Mesquita e D. Maria José de Siqueira Mesquita, nascida a trinta d’e Abril d’este Anno; foram Padrinhos o Exmo. Sr. Barão de Mesquita e D. Josefina Emilia Villasboas. O Vigr.º Jose Francisco dos Santos Durães.

Outro assento de batismo de Jerônima MesquitaTermo número 1267, iniciado na página 132 e concluído na página 133

Aos vinte e cinco de Junho do anno de mil oito centos e cinco n’esta Freguezia de S. Sebastiao da Cidade Leopoldina o Padre Luiz Lopez Teixeira baptisou solemnemente e poz os Santos Oleos à innocente Jeronima nascida a trinta d’Abril do mesmo anno e filha legitima de Jose Jeronimo de Mesquita e D. Maria José de Siqueira Mesquita, foram Padrinhos o Exmo. Sr. Barão de Mesquita e D. Josephina Emilia Villas Boas. O Vigr.º Jose Franc.º dos Santos Durães.

Conforme se observa, os dois assentos acima trazem quase os mesmos dados. A exceção fica por conta do ano de batismo e nascimento, que no primeiro assento era 1880 e agora é 1885. Ressalte-se, porém, que a palavra “cinco” está envolvida por um pontilhado, parecendo demonstrar que o próprio escrevente ficou em dúvida.

O fato de existirem duas transcrições é relativamente comum e se explica pelo hábito dos antigos padres anotarem os eventos em pedaços de papel e só mais tarde registrarem no livro próprio. Quando não eliminavam imediatamente o “rascunho”, ou seja, o papel onde inicialmente anotaram os dados, corriam o risco de se esquecerem e, posteriormente, ao encontrarem o rascunho faziam novo assento.

Considerando que os assentos anteriores e posteriores a este termo 1267 são de 1885, é possível que o padre Durães não tenha feito a transcrição de um papel ou rascunho, mas de um outro livro original onde a duplicidade já existisse.

E veio o terceiro lançamento

Terceiro assento de batismo de Jerônima MesquitaTermo número 1475, página 154

Aos vinte e seis dias do Mez de Abril do Anno de mil oito centos e oitenta e seis n’esta Cid.e digo Freguezia de S. Sebastião da Cidade Leopoldina, o Pe. Luiz Lopes Teixeira baptizou solemnemente e poz os Santos Oleos a innocente Jeronima nascida a trinta de Abril de oitenta e filha legitima de José Jeronimo de Mesquita e Dª Maria Jose de Siqueira Mesquita; foram Padrinhos seu avô paterno o Conde de Mesquita e sua avó materna Dª Josephina Emilia Villas Bôas. O Vigrº José Francisco dos Santos Durães

Além de mais algumas diferenças de ortografia, temos agora outra data de batismo: 26.04.1886. Provavelmente por um engano de transcrição, já que os termos anteriores e posteriores ao 1475 trazem a mesma data.

Observa-se ainda que, entre o primeiro e o terceiro assentamentos, o avô paterno tinha alcançado uma outra posição na nobiliarquia brasileira: de Barão foi a Conde.

Uma análise grafotécnica sugere que os dois primeiros assentos foram feitos pela mesma pessoa e o terceiro apresenta um tipo de cultura gráfica ligeiramente diferente. Para se considerar este livro como original, há que se verificar que entre o primeiro e o segundo registros quase não há diferença no desenho das letras, apesar do intervalo de cinco anos entre eles. Já o terceiro, se se tratasse de original, surpreenderia por apresentar visível evolução no desenho após decorrido apenas um ano.

A apresentação destes assentos de batismo teve por objetivo chamar a atenção dos interessados em documentos originais. Apesar de tidos como tal, nem sempre se deve considerar como fonte inquestionável uma informação, baseando-se tão somente na antiguidade ou aparência do suporte. É fundamental uma análise comparativa, tendo em mente que todo documento é produzido a partir de uma determinada visão de mundo. E refletir sobre a as palavras de Le Goff sobre a “intervenção do historiador que escolhe o documento, extraindo-o do conjunto dos dados do passado, preferindo-o a outros, atribuindo-lhe um valor de testemunho que, pelo menos, em parte, depende da sua própria posição na sociedade de sua época”.

Mas já que foi utilizada como exemplo uma ocorrência relativa a Jerônima de Mesquita, registre-se que suas biografias costumam informar que em 1914, morando na França, enviou folhetos sobre a luta das mulheres naquele país e que em 1919, já de volta ao país, fundou o Movimento Bandeirante do Brasil no dia 30 de maio daquele ano, posteriormente Federação das Bandeirantes do Brasil. Em 1947 fundou o Conselho Nacional da Mulher do Brasil, foi membro da Associação Damas da Cruz Verde e ajudou a fundar a Pró-Matre. Faleceu no Brasil em 1972.

É mais uma leopoldinense que fez história!

Primeiros batismos em Piacatuba – V, W, Z

Crianças batizadas em Piacatuba na segunda metade do século XIX, letras V, W e Z

CRIANÇA PAI MÃE BATISMO
Valentim Generosa 01.03.1868
Valentina José Bernardino Maria Carlota de Jesus 20.08.1875
Valerio Ignez 01.12.1867
Venancia Pedro Ciprianna 19.05.1862
Venancia Jose Joaquina 28.02.1864
Venancio Lourenço Florinda 11.02.1855
Vergelina Roberto Nunes de Sousa Florentina Maria de Jesus 22.05.1870
Vergelino Anacleto Fortunato de Paiva Maria Barbara de Jesus 01.10.1874
Vergilio Nicolao Alves Ferreira Francisca Angelica Ferreira 15.01.1867
Vergilio Carlos José Pinto Ritta Joaquina do Espirito Santo 10.12.1874
Vergilio João Evangelista do Nascimento Cecilia Augusta do Carmo 24.06.1877
Vergilio Antonio José Baptista Maria Rosa do Nascimento 22.05.1879
Verginia Matheus Eva 10.12.1868
Verginia Antonio José de Miranda Verginia Maria de America 20.08.1876
Verginia Manoel Francisco Coelho Esmerlinda Rosa de Jesus 29.04.1878
Vicencia Januaria 12.08.1867
Vicencia Miguel Gajano Maria Luisa d’Ávila 26.02.1871
Vicente Eva 11.04.1852
Vicente Antonia 02.12.1866
Vicente Quintilianno Romana 03.05.1868
Vicente Prudencianno Antonio de Azevedo Maria José de Jesus 14.04.1878
Vicentina Manoel Ferreira Ribeiro Junior Maria Magdalena de Jesus 16.12.1875
Victorina Antonio Maria 09.07.1871
Victorino Vicente Alves Ferreira Francisca 13.09.1856
Victorino Rita 04.03.1862
Vigilato Elias Dornellas da Costa Anna Joaquina da Luz 10.03.1873
Violanta Marcelina 18.03.1855
Virgellina Galdino Alves de Oliveira Marcianna Maria de Jesus 04.11.1866
Virgilio Antonio Mauricio Barbosa Carolina do Carmo Barbosa 07.04.1872
Virginia Claudio Jose Mina Braulina Custodia de Jesus 08.10.1864
Virginia Clementino José Tolledo Barbara Candida de Jesus 16.03.1873
Virginia Antonio Ribeiro de Araujo Joanna Candida de Jesus 06.03.1878
Virginio Lourentino José Dias Maria Ritta de Jesus 05.08.1872
Vitalina Domingos Ferreira de Oliveira Anna Rosa de Sousa 23.05.1869
Vitalina José Govêa Maria Carolina Govêa 25.12.1875
Vitalina José Roiz de Miranda Maria Lina de Jesus 19.05.1878
Washington Jose Maximiano de Moura e Silva Anna Dias Ferraz 24.06.1867
Wenceslau Francisco Miz. Pacheco Ritta Maria Nasareth 30.06.1878
Zacarias Miguel Teixeira Dias Valentina Maria de Jesus 04.05.1854
Zacharias Zacharias Roiz Pires Lusinda Loures 23.06.1878
Zeferia Joaquim Anna 30.08.1856
Zina Delfim Ferreira de Oliveira e S.ª Anna Maria da Conceição 15.06.1873
Zoraida Candido Jose Baptista Gabriella Francisca de Oliveira 12.06.1867
Zoraida Delfim Ferrª de Oliveira Anna Maria da Conceição 29.10.1871
Zoraida Manoel Marianno Themoteo Maria das Dores 30.04.1874
Zoraida Silverio Reginaldo de Carvalho Francisca Aurelianna de Meyrelles 02.11.1874

Este trabalho está sujeito a uma licença de uso: Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 License.

Primeiros batismos em Piacatuba – T, U

Crianças batizadas em Piacatuba na segunda metade do século XIX: letras T, U

CRIANÇA PAI MÃE BATISMO
Targina Francisco Joaquim Ribeiro Luisa Joaquina Morª 07.08.1871
Teodolino Antonio Lopes Ferreira Anna Joaquina de Jesus 02.12.1866
Teofilo Romualdo Jose da Cunha Elisa Maria de Jesus 05.04.1865
Teophilo Jose Martins Pacheco Rita Maria da Conceição 21.05.1865
Tertulianna Joaquim Antonio Gomes Maria Carlota de Jesus 15.04.1877
Tertulianno Francisco Dias Moreira Marianna Isabel da Conceição 07.06.1874
Theodolino Carlos José Pinto Ritta Joaquina do Espirito Santo 28.01.1872
Theodolino Francisco Poncianno de Oliveira Justinianna Sebastianna de Jesus 03.02.1878
Theodora Joze Vieira da Almeida Balbina Constança d’Almeida 26.09.1855
Theodora Antonio José da Silva Barbara Maria de Jesus 15.07.1878
Theodoro Lucianna 24.11.1867
Theodoro Francisco Marianno da Silva Igilindra Maria da Conceição 01.01.1868
Theodoro Justino Constança 22.11.1868
Theofilo Joaquim Anna 30.11.1862
Theophila Jose Rodrigues de Miranda Minelvinda Laudelina de Oliveira 25.09.1864
Theophilo Manoel Antonio Gomes Mathildes Maria de Jesus 01.12.1867
Theophilo José Barroso Pereira da Silva Anna Marques de Freitas 15.08.1869
Theophilo José Cardoso Ribeiro Ritta Maria de Jesus 26.08.1873
Theophilo Severino João Lopes Delminda Maria de Jesus 27.04.1874
Theophilo Elias Gonsalves Filgueiras Philomena Maria Filgueiras 26.08.1874
Theophilo Bento Marques Pereira Maria Carlota Marques 24.06.1878
Theophilo Bento Marques Pereira Maria Carlota Marques 28.10.1878
Theotonio Theotonio Joaquim de Ar.º Anna Rosa de Lima 03.08.1873
Theresa Manoel José Pinto da Matta Anna Francisca de Jesus 17.02.1855
Theresa João Quiteria 18.05.1862
Theresa Silverio Jose Barbosa Antonia Carolina Dias 31.01.1863
Theresa Domingo Claudina 02.10.1864
Theresa Francisco Martins Pacheco Ritta Maria de Nasareth 10.10.1869
Theresa Antonio Romualdo de Oliveira Francisca Carolina de Oliveira 06.10.1870
Theresa José Moreira do Espirito Santo Anna Maria do Espirito Santo 09.04.1871
Theresa José Felisberto Ferraz Anna Theodora de Jesus 30.07.1871
Theresa Bento Marques Pereira Maria Carlota da Silva 25.12.1870
Thereza João Lucianno de Rezende Felic* 29.05.1853
Thereza Vital Ignacio de Moraes Umbelina Casseana de Jesus 06.08.1855
Thereza Missias Garcia d’Oliveira Joaquina Maria de Jesus 16.12.1855
Thereza Antonio Romualdo d’Oliveira Francisca Carolina d’Oliveira 20.07.1856
Thereza João Ramos Thereza de Jesus 09.02.1862
Thereza Bento Marques Pereira Maria Carlota 12.12.1870
Thiburcio Pedro Cardoso de Vilella Carolina Maria de Jesus 18.11.1866
Thiophilo José Amaro Glz Carolina Soares Barbosa 13.02.1870
Thomasia José Angelo de Souza Guilhermina Roiz Vieira 27.05.1873
Tiburcio Tiburcio José de Mello Julia Maria de Jesus 08.09.1867
Tobias Jose Evangelista do Carmo Maria Theresa Christina do Carmo 01.01.1865
Trajano João Baptista da Silva Antonia Maria Garcia 11.04.1868
Ubaldina José Furtado de Mendonça Maria Thereza Christina 13.10.1873
Umbelina Joaquim Teixeira d’Oliveira Antonia Roza do Espirito Sancto 19.11.1854
Umbelina Antonio da Costa Ferreira Junior Filisbina Florentina de Jesus 06.12.1863
Umbelina Manoel Simões e Siqueira e Mello Ignez Theodora do Nascimento 05.03.1868
Umbelina Maria Francisca de Jesus 24.07.1870
Ursula Bento Gonçalves de Paulo Isabel Maria de Jesus 07.11.1875

Este trabalho está sujeito a uma licença de uso: Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 License.

Primeiros batismos em Piacatuba – S

Crianças batizadas em Piacatuba na segunda metade do século XIX: letra S

CRIANÇA PAI MÃE BATISMO
Sabina Bertholino Francisco Pereira Felisbina Constança de Jesus 16.08.1869
Sabino Vital Generosa 13.02.1870
Salustianna Joaquim Roiz de Oliveira Anna Severina de Mattos 08.12.1868
Salvino João Francisco Duarte Maria Joaquina do Nascimento 17.11.1872
Satornino Manoel Dias Ferraz Junior Laudelina Rosa Fernandes 30.11.1867
Saturnina Theophilo Herculano Barbosa de Miranda Petronilha Idilha Barbosa 06.01.1878
Sebastianna Pedro Joaquina 02.09.1855
Sebastianna Felisbino Jose Lucianno Rita Maria de Jesus 14.01.1864
Sebastianna José Amaro Gonçalves Carolina Soares Barbosa 16.09.1866
Sebastianna Francisco Martins de Mello Maria Ritta Maria de Jesus 25.10.1867
Sebastianna José Basilia 21.06.1868
Sebastianna Martinha 06.02.1870
Sebastianna Manoel Pedro da Costa Maria Victoria de Jesus 14.09.1873
Sebastianna Francisco da Costa e Silva Ritta Julia de Jesus 29.09.1873
Sebastianna Galdino Miz. de Oliveira Marianna Maria de Jesus 20.06.1875
Sebastianna José Joaquim Carneiro Marianna Francisca de Jesus 30.11.1875
Sebastianna Manoel Alexandre de Aguiar Maria Felicidade Perpetua 05.09.1876
Sebastianno João Francisco Duarte Junior Maria Joaquina do Nascimento 06.05.1871
Sebastianno Francisco Roiz Pires Maria Camilla de Jesus 18.06.1874
Sebastião Antonio Rodrigues da Silva Matildes 07.09.1851
Sebastião Cesilia 19.02.1854
Sebastião Lusia 14.02.1864
Sebastião Belisario Carolina 08.12.1866
Sebastião Marcos Clementina 02.02.1871
Sebastião Amaro Geralda 22.02.1871
Sebastião Roberto de Szª Almada Mª Brigida de Szª 30.01.1872
Sebastião Francisco da Costa e Silva Ritta Francisca Julia 30.05.1877
Sebastião Valerianno Alves Fernando da Silva Anna Maria do Espirito Santo 16.02.1878
Sebastião Thomaz da Silva Barros Prescellianna Maria de Barros 22.07.1878
Sebastião Joaquim Francisco Coelho Maria Florinda de Jesus 07.02.1879
Sebastião Antonio Vicente de Almeida Antonia Margarida de Jesus 13.07.1879
Sebastião Joaquim Severino Alz Maria José de Jesus 10.06.1871
Selestrino Justino José de Souza Flauzina Estevã de Jesus 09.12.1878
Senhorinha Paulino Izabel 11.06.1865
Senhorinha José Francisco da Silva Olyvia Alves Pereira da Silva 19.07.1878
Serafim Domingos Antonio dos Santos Balbina Maria de Jesus 16.09.1871
Serafina Amaro Geralda 10.10.1869
Sergio Caethana 07.10.1866
Sergio Carolina 09.09.1868
Severina Venancio Eva 25.06.1855
Severina Antonia Candida de Jesus 06.07.1855
Severino Rita 06.01.1865
Silveira Amaro Geralda 06.12.1863
Silverio Lourenço Catharina 20.07.1856
Silverio Antonio de Souza Almada Emilia Candida de Jesus 29.04.1875
Silvestre Adão Antonio Paxeco Antonia Luiza da Conceição 30.11.1867
Silvino Manoel Avila da Rosa Anna Luiza da Rosa 17.11.1881
Simeão Maria Claudino 21.05.1865
Simplicianno João Custodia 05.04.1869
Simplicio Fortunata 15.04.1866
Sophia Amedée Rousseau Maria Rosa de Jesus 19.05.1862
Sophia José Roiz Maia Maria Candida da Silveira 30.11.1874
Stanislao Romão Maria 19.05.1867

Este trabalho está sujeito a uma licença de uso: Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 License.

Primeiros batismos em Piacatuba – R

Crianças batizadas em Piacatuba na segunda metade do século XIX: letra R

CRIANÇA PAI MÃE BATISMO
Rachel Francisco Luiza 06.02.1856
Rachel Ignacia 19.01.1862
Rachel Balbina Maria da Conceição 24.02.1875
Rachel José Luiz Pereira Francisca Rosa de Jesus 16.12.1877
Radozina Bertholino Fraancisco Pereira Felisbina Constancia de Jesus 12.02.1868
Rafael Benedicto Severina 26.07.1863
Ramiro Jose Joaquim Ferreira de Castro Ritta Maria da Conceição 24.01.1870
Ramiro Elisa 06.01.1871
Ramiro Antonio Sebastião das Chagas Anna Maria de Jesus 28.04.1872
Randolpho …………….. 05.04.1868
Randolpho Antonio Ferreira Lages Joaquina Margarida de Jesus 06.01.1871
Randolpho José Ferreira de Resende Rosinda Maria de S. José 17.02.1878
Raphael Lucas Maria 10.11.1868
Regina Candido José Baptista Gabriella Francellina de Oliveira 18.10.1871
Regina Paulino Guilherme de Oliveira C—- de Oliveira 25.03.1874
Regina Manoel Joaquim de Mello Hyppolita Vendelina da ——– 15.01.1878
Reinaldo exposto 11.08.1872
Reinaldo Manoel Ferraz Constancia Maria de Jesus 25.05.1873
Ricardina Maria Custodia da Conceição 29.03.1872
Ricardina Germano Dutra Nicacio Maria Martins Dutra 16.07.1876
Ricardina Antonio Alves Ferreira Junior Maria Ritta de Jesus 01.11.1878
Ricardo Manoel Antonio Gonsalves Mathilde Florencia de Jesus 22.08.1869
Ricardo Manoel Anna 03.05.1871
Ricardo Joaquim Severino Alz Maria José de Jesus 15.06.1876
Rita João Ramos Thereza Maria de Jezus 26.10.1851
Rita José Teixeira Dias Maria Francisca de Jezus 11.01.1852
Rita Francisco Amaro Francisca Maria de Jezus 30.05.1852
Rita Manoel Pinto de Farias Joaquina Maria de Jesus 24.07.1852
Rita Maria India 20.04.1854
Rita Manoel José d’Oliveira Justina Maria de Jesus 25.06.1854
Rita Francisco Peixoto Francisca Maria de Jesus 16.07.1854
Rita Felisberto Antonio d’Oliveira Vicencia Maria de Jesus 30.07.1854
Rita Antonio da Costa Ferreira Junior Felisbina Florentina de Jesus 08.10.1854
Rita João Ignacio da Costa Maria Joaquina d’Assumpção 17.12.1854
Rita José Joaquim da Silva Maria Florinda de Jesus 24.05.1855
Rita Jose de Souza Fernandes Luzia Maria de Jesus 10.08.1855
Rita Geraldo Antonio Roiz Anna Carolina d’Oliveira 19.08.1855
Rita Joze Martinha 02.09.1855
Rita Joaquim Francisco Pires Maria Antonia de Jesus 28.10.1855
Rita Joze Amaro Gonçalves Luisa Maria de Jesus 23.03.1856
Rita Vicente Sabina 23.03.1856
Rita Sebastiana 30.03.1856
Rita Joze da Silveira Bitancor Maria Rita de Jesus 29.06.1856
Rita Antonio Joaquina 07.07.1856
Rita Pedro de Lemos da Silva Rita Maria da Luz 25.05.1862
Rita Francisco Miguel da Silva Francisca Maria de Jesus 14.08.1864
Rita Lauria 27.08.1864
Rita Francisco Lopes do Espirito Santo Maria Custodia de Jesus 30.04.1865
Rita Maria 15.03.1866
Ritta Joaquim Antonio Correa Constança Claudina de Paula 22.02.1866
Ritta Mathias Joanna 30.09.1866
Ritta Manoel Ribeiro Dias Maria Joaquina de Jesus 03.04.1867
Ritta Francisco Honorio Gomes da Silva Marianna Isabel de S. José 17.06.1868
Ritta Vital Genoveva 28.02.1868
Ritta Joaquim Lopes de Serqueira Maria Francisca 12.07.1868
Ritta Ricardo Nunes de Sousa Ritta Maria de Jesus 25.12.1868
Ritta José Maria da Silva Anna Rosa de Jesus 09.06.1869
Ritta Luiz Avz. Bem Anna Isabel da Conceição 13.03.1870
Ritta José Pereira de Calaes Maria Venancia de Jesus 18.05.1871
Ritta José Antonio de Oliveira Maria Theresa do Carmo 30.07.1871
Ritta Christino Candido de Souza Maria Ritta de Jesus 07.04.1872
Ritta Custodio José de Souza Maria Joanna de Jesus 21.07.1872
Ritta Maria Custodia de Jesus 18.07.1873
Ritta Vicente Pereira da Cruz Rosa Francisca de Jesus 29.11.1874
Ritta Germano Dutra Nicacio Maria Miz. Dutra 28.07.1878
Ritta João Francisco Coelho Jacintha Maria de Jesus 01.02.1879
Ritta Manoel Antonio da Rocha Marianna Esmeria de S. José 10.05.1879
Roberto Jose Francisco de Paiva Campos Maria Rita de Jesus 28.02.1864
Roberto Manoel de Souza Almada Justina Maria de Souza 17.06.1871
Roberto Lourenço José da Silva Felisbina Francisca de Jesus 06.10.1872
Roberto Francisco Esmerio de Paiva Campos Francisca Albina Campos 07.03.1874
Rofino Vicente Dorothéa 27.10.1867
Rogerio Bertolino Francisco Pereira Felisbina Candida de Jesus 29.12.1863
Romualdo Francisco Paulista Rita 30.04.1854
Roque Nicoláo Felizarda 20.10.1867
Rosa Camilo Tereza 26.07.1863
Rosa Januario Magdalena 02.04.1865
Rosa Jose Ritta 24.03.1867
Rosa Nicoláo Felizarda 20.10.1867
Rosa Domingos Ferreira de Oliveira Anna Roza de Souza 18.06.1871
Rosa Antonio Francisco de Souza Maria da Gloria da Conceição 08.12.1874
Rosa Joaquim Roiz Rosa Anna Marcellina Dutra 26.11.1875
Rosa Valerianno —dida 21.03.1870
Rosalina Florentino Jose Dias Maria Francisca de Jesus 04.03.1866
Rosalina Antonio Ferr. Lages Joaquina Angelica de Jesus 20.09.1868
Rosalina Cassianno José do Carmo Olinda Marfisa de Moraes 16.01.1870
Rosalina José Baptista de Oliveira Maria José de Jesus 25.10.1871
Rosalina José Martins Dutra Belmira Alves Ferreira 14.09.1873
Rozalina Manoel Simoes de Cirqueira e Mello Ignez de …. 22.04.1866
Rozalina Lourentino José Martins Maria Francisca de Jesus 18.04.1870
Rozalina Francisco Thomaz de Oliveira ———– de Jesus 10.07.1870
Rozenda Teotonio Ferreira de Sousa Virgilina do Amor Divino 14.11.1863
CRIANÇA PAI MÃE BATISMO

Este trabalho está sujeito a uma licença de uso: Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 3.0 License.