Os Meneghelli em Leopoldina

Por solicitação de visitante deste blog, republicamos informações sobre esta família, com atualizações.

CANDIDO MENEGHELLI e LUIGIA MARCOMINI foram pais de GIOVANNI MENEGHELLI nascido a 21 de julho de 1858 em Gazzo Veronese, Verona, Veneto, Italia, conforme Certificato di Famiglia emitido pelo Ufficio Anagrafe de Gazzo Veronese. Ele passou ao Brasil casado com LAVINIA ZAFFANI que, segundo a mesma fonte, nasceu no dia 21 de abril de 1863 em Casaleone, Verona.

A família chegou ao Brasil em 1895, tendo sido registrada na Hospedaria Horta Barbosa, em Juiz de Fora, no dia 31 de outubro, como passageiros desembarcados do Vapor Sempione, conforme livro SA 884 fls 6 família 48. No dia 4 de novembro, deixaram a Hospedaria com destino a Leopoldina, para trabalhar em fazenda do distrito que hoje tem o nome de Abaíba.

Dos filhos do casal sabemos que:

– CORINA MENEGHELLI nascida a 09 de julho de 1885 em Gazzo Veronese, casou-se com Elias Piccoli, filho dos italianos Luigi Piccoli e Maria Borella, no dia 30 de janeiro de 1904, conforme registro no Cartório de Registro Civil de Providência, Leopoldina, MG, lv 1 cas fls 168 termo 1;

– EVARISTO MENEGHELLI nasceu no dia 03 de outubro de 1886 em Gazzo Veronese. Casou-se com Giuseppina Battisaco, filha dos italianos Antonio Francesco Battisaco e Antonietta Stefani, no ano de 1909, também no distrito de Providência, conforme lv 2 fls 71 daquele Cartório;

– SALMISTA SECONDO MENEGHELLI nasceu no dia 02 de setembro de 1888 em Gazzo Veronese;

– ARISTEA REGINA MENEGHELLI nasceu no dia 23 de outubro de 1890 em Gazzo Veronese. Casou-se no dia 17 de fevereiro de 1912 com Giuseppe Conti, filho dos italianos Vincenzo Conti e Antonia Artuzo, conforme Arquivo da Diocese de Leopoldina, Secretaria Paroquial da Matriz do Rosário, Leopoldina, MG, lv 5 cas fls 197 termo 14 e Cartório de Registro Civil de Leopoldina, MG, lv 5 fls 104 termo 8;

– APOSTOLO ANGELO MENEGHELLI nasceu no dia 28 de agosto de 1892 em Gazzo Veronese, conforme indica o citado Certificato di Famiglia. Mas não desembarcou com a família, o que nos leva a crer que tenha falecido antes de 1895; e,

– CROCILLA MARIA MENEGHELLI nasceu no dia 03 de maios de 1895 em Gazzo Veronese.

Já vivendo no distrito de Providência, o casal Giovanni Meneghelli e Lavinia Zaffani teve os filhos:

– JORGE nascido no dia 23 de abril de 1902 conforme Cartório de Registro Civil de Providência, Leopoldina, MG, lv 3 fls 52; e,

– ANA MARIA nascida no dia 09 de abril de 1907 conforme Cartório de Registro Civil de Providência, Leopoldina, MG, lv 3 fls 120.

Quando escrevíamos a história da Colônia Agrícola da Constança e da Imigração em Leopoldina, publicada em abril de 2010 e disponível neste endereço, recebemos mensagem de descendente dos Meneghelli informando que o casal teve mais dois filhos no estado do Espírito Santo: MARIA e CIRILO MENEGHELLI.

Segundo este correspondente, em 1920 Giovanni Meneghelli era proprietário rural no município de Alegre, ES. Esta informação veio se somar a muitas outras que apuramos sobre as migrações internas dos italianos que inicialmente se estabeleceram no município de Leopoldina.

Entre as 1867 pessoas de sobrenome italiano que identificamos no início do projeto, conseguimos informações mais detalhadas de apenas 406. Entre as demais, expressivo foi o número dos que saíram em busca de terras mais baratas e melhores condições de sobrevivência em outras localidades, principalmente depois de instalada a Colônia Constança, em 1910. Muitos por não terem conseguido um lote. Alguns por não terem alcançado boa produtividade na terra que lhes foi financiada.

Mais detalhes sobre a migração interna podem ser vistos na obra acima indicada.

Resta-nos, para concluir, informar que nasceram em Leopoldina alguns netos do casal Giovanni-Lavínia:

– ELENA, filha de Elias Piccoli e Corina Meneghelli, nasceu no dia 04 de dezembro de 1911, conforme Cartório de Registro Civil de Providência, Leopoldina, MG, lv 4 fls 6;

– MARIA LUIZA, irmã de Elena, nasceu no dia 06 de fevereiro de 1914, conforme Arquivo da Diocese de Leopoldina, Secretaria Paroquial da Matriz do Rosário, Leopoldina, MG, lv 15 bat fls 17 termo 163. O registro civil foi feito algum tempo depois no Cartório de Registro Civil de Providência, lv 4, fls 42-v, no qual consta nascimento a 06.12.1914, data incompatível já que a criança foi batizada no dia 26 de abril de 1914;

– ANTONIO, filho de Evaristo Meneghelli e Giuseppina Battisaco, nasceu no dia 10 de janeiro de 1910 conforme Cartório de Registro Civil de Providência, lv 3 fls 190;

– JOSÉ PASCOAL, irmão de Antonio, nasceu no dia 13 de abril de 1911 conforme Cartório de Registro Civil de Providência, lv 3 fls 51;

– JORGE, irmão de Antonio e José Pascoal, nasceu no dia 02 de julho de 1914 conforme Cartório de Registro Civil de Providência, lv 3 fls 167.

Também nasceram em Leopoldina os filhos de ARISTEA REGINA, a única filha do casal Meneghelli que permaneceu no município. Casada com Giuseppe Conti, Aristea teve os filhos:

– EMILIO nascido no dia 11 de maio de 1913 [Arquivo da Diocese de Leopoldina, Secretaria Paroquial da Matriz do Rosário, Leopoldina, MG, lv 14 bat fls 83 termo 351];

– ANAYR nascida no dia 25 de julho 1914 [Arquivo da Diocese de Leopoldina, Secretaria Paroquial da Matriz do Rosário, Leopoldina, MG, lv 15 bat fls 60v termo 59];

– ABILIO nascido no dia 25 de junho de 1916 [Arquivo da Diocese de Leopoldina, Secretaria Paroquial da Matriz do Rosário, Leopoldina, MG, lv 16 bat fls 58v termo 486];

– JOÃO nascido no dia 23 de julho de 1918 [Arquivo da Diocese de Leopoldina, Secretaria Paroquial da Matriz do Rosário, Leopoldina, MG, lv 17 bat fls 64 termo 3;

– MARIA nascida no dia 05 de outubro de 1919 [Arquivo da Diocese de Leopoldina, Secretaria Paroquial da Matriz do Rosário, Leopoldina, MG, lv 18 bat fls 39v termo 182] e falecida no dia 11 de março de 2012 conforme Obituário 2012 publicado em 22.03.2012 no Leopoldinense On Line . Era casada com EMILIO BARBOSA DE OLIVEIRA;

– ANTONIA nascida por volta de 1924; e,

– LUIZ CONTI nascido por volta de 1928.

Da geração seguinte sabemos apenas da bisneta Maria Emília de Oliveira, filha de Maria Conti e Emílio Barbosa de Oliveira. Maria Emília é casada com ANTONIO CARLOS DE ALMEIDA TAVARES com quem tem três filhos: Alexandre, Heloisa e Eliana.

Ressaltamos que os sobrenomes deste grupo familiar, como de resto de todos os descendentes de imigrantes que viveram em Leopoldina, sofreu alterações. Algumas tão profundas que impedem reconhecê-los nos descendentes atuais. Para tornar viável nosso trabalho, conforme explicamos no livro acima indicado, definimos como procedimento metodológico que manteríamos a ortografia encontrada no mais antigo documento, preferencialmente obtido no país de origem.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Share on Tumblr

10 thoughts on “Os Meneghelli em Leopoldina

  1. cantoni Autor do post

    Olá Karla: o nascimento dela vc pode conseguir no Ufficio Anagrafe de Gazzo Veronese. O casamento encontra-se no Cartório de Registro Civil de Providência, Leopoldina, MG, lv 1 cas fls 168 termo 1. No mesmo cartório vc encontra o registro civil dos filhos Elena e Maria Luiza.

  2. Fernanda Picoli

    Oi Cantoni, como vai?
    Sou bisneta de Corina Meneghelli e Elias Piccoli, mas só posso dar entrada na dupla cidadania através do meu bisô. Sabe informar se ele também era de Gazzo Veronese?

  3. Renan Ranholli Meneguelli

    Boa noite, sei que é tarde e talvez não dê tempo de obter esta resposta para algo que planejo.
    Sou um dos bisnetos do Vô Segundo (Salmista Secondo) e estamos fazendo um pequeno levantamento para realizar uma homenagem no encontro de família que ocorrerá no próximo final de semana.
    Segundo os contatos que temos com alguns familiares e por suas datas de nascimentos, acredito que possa ter havido uma inversão quando se trata dos Tios Jorge e Ana Maria, estes seriam os mais novos, portanto teriam nascido na localidade de Volta da Ferradura, Alegre – ES, e os Tios Cyrilo e Maria, por serem mais velhos, nascido em Leopoldina.
    Há algum documento que comprove quanto aos primeiros e seus nascimentos em Leopoldina?!
    Obrigado!

  4. Renan Ranholli Meneguelli

    Pergunto, pois as datas de nascimento, da Tia Maria e do Tio Cyrilo, que temos aqui são de 1899 e 1900, respectivamente.

  5. cantoni Autor do post

    Olá Fernanda: infelizmente não tenho como ajudar. Em nossas buscas não encontramos fontes que indicassem a origem de Elias Piccoli.

  6. cantoni Autor do post

    Olá Renan: houve um problema inesperado de bloqueio e só hoje recebi seu pedido. As datas de nascimento de Jorge e Ana Maria foram extraídos do registro civil, no Cartório de Providência, distrito de Leopoldina. Dos filhos mais novos de Lavinia Zaffani e Giovanni Meneghelli só temos os nomes, informados há muitos anos por um descendente.

  7. cantoni Autor do post

    Renan: não encontramos os batismos destes dois membros da família Meneghelli, nem tampouco são mencionados no registro civil onde encontramos os irmãos.

  8. Kelly Carneiro

    Olá boa noite,

    Segundo acervo público de Minas Gerais, os pais do meu bisavô chegaram na embarcação Sempione no ano de 1895.
    Assim sendo, gostaria de saber se teria alguma informação para me passar de Giuseppe Meneguelli e Karolina Meneguelli, pelo que vi chegaram juntos.

    Desde já grata pela atenção.

  9. cantoni Autor do post

    Olá Kelly: temos referências apenas ao grupo familiar de Giovanni Meneghelli e Lavinia Zaffani, já que só estudamos os imigrantes que foram para Leopoldina. Conforme o livro da Hospedaria Horta Barbosa, o casal de seu interesse foi para outra cidade mineira, Ponte Nova.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.