Remuneração do Carcereiro

Segundo o Decreto nº 2031 de 18 de novembro de 1857, o carcereiro de Leopoldina receberia sessenta mil réis anuais. Dentro da estrutura administrativa da época, o cargo tinha atrativos vinculados à remuneração. Até o momento não foi possível identificar quem foram os carcereiros daqueles tempos. As referências encontradas não mencionam os nomes dos ocupantes do cargo.