Pierina Galasso e Francesco Colle

Na postagem de 20 de abril de 2007 citamos Pierina Galasso, nascida na Italia no dia 29 de junho de 1873. Era filha de Pietro Galasso e Aguita Mota, conforme declarou no Requerimento para Registro de Estrangeiros realizado de acordo com o que dispunha o Decreto 3010 de 1938, que ficou conhecido como o “decreto de Getúlio”.Neste mesmo documento a declarante informou que passou ao Brasil em dezembro de 1910, tendo sido registrada na Hospedaria da Ilha das Flores. Entretanto, nada localizamos nos livros da Hospedaria. Por outro lado, consultamos o comune de San Michele ao Tagliamento e recebemos a confirmação de que ali Pierina se casara com Francesco Colle no dia 15 de abril de 1894, sendo natural de Latisana, Udine, Friuli-Venezia Giulia.

Agora recebemos consulta de um leitor a respeito de parentesco entre Pierina Galasso e dois outros usuários do sobrenome que teriam vivido na zona da mata mineira. Nada podemos afirmar a respeito porque não estudamos as outras famílias citadas. Através do Sistema Integrado de Acesso do Arquivo Público Mineiro, vimos que Filomena Galasso passou ao Brasil em 1888, pelo mesmo vapor Washington no qual viajaram vários imigrantes que se estabeleceram em Leopoldina. Entretanto, no livro de registro consta que Filomena saiu da Hospedaria Horta Barbosa com destino a Rio Novo. Quanto ao outro nome da consulta, nada sabemos sobre Giovanni Galasso que, segundo o site já citado, veio para o Brasil em 1892.

Em dezembro de 1910, o casal Francesco Colle e Pierina Galasso tomou posse do lote número 12 da Colônia Agrícola da Constança, em Leopoldina, MG. Em 1942, Pierina continuava morando ali.

4 opiniões sobre “Pierina Galasso e Francesco Colle”

  1. Sou neto de Marina Colli filha de Angelo Colli e Ana Zangirolami, sendo que Angelo Colli era filho de Francesco Colle e Pierina Golasso.
    Tenho interesse em me aprofundar nessa história. Hoje moro no comune de Fauglia-PI, na região da Toscana na Itália.

    Gostar

    1. Olá Kairon: é um prazer trocar msgs com vc. Você é de Leopoldina?
      Só tenho os ancestrais de Marina Colle. Se for de seu interesse, informe os dados do cônjuge, filhos e netos dela para que possamos incluir no banco de dados.
      Vc está um tantinho distante do local de origem não só de Francesco Colle e Pierina Galasso como de Pietro Sangirolami e Fortunato Bonin, seus outros ancestrais. Já visitou a terra deles?

      Gostar

      1. Olá Nilza, sou de Leopoldina. Minha avó Marina Coli no qual o nome exato dela perante a Certidão de nascimento. Casou-se com João Baqueiro Rodrigues (nascido em 11-12-1930), no dia 16-07-1955, ele era filho de José Baqueiro Rodrigues e de Maria da Conceição. com isso minha avó adotou-se o nome de Marina Coli Rodrigues. Marina Coli Rodrigues faleceu em 24-08-2015 e Joâo Baqueiro Rodrigues faleceu em 27-02-2019. O casal possuíram 5 filhos, 10 netos e 4 bisnetos, sendo eles : Bratriz Coli Rodrigues e seus filhos (Saulo,Laura,Lívia e Elisa), Brenio Coli Rodrigues, Belini Coli Rodrigues e seus filhos(Sarah e Fernando), Bazani Aparecido Coli Rodrigues e seus filhos (Karen e Kairon) e Bruno Coli Rodrigues e seu filhos(Bruna e João Victor), todos ainda vivos. Os 4 bisnetos são: José Inácio filho de Saulo, Miguel filho de Karen, Pedro Augusto e Maria Clara filhos de Bruna. O quarto filho de Marina e João o qual é chamado de Bazani Aparecido Coli Rodrigues, seria o meu pai, casando se com Claudia Aparecida Vieira Fóffano em 23-09-1989, a esposa adotou-se o nome de Claudia Aparecida Vieira Fóffano Rodrigues e tempo depois se divorciaram em 04-08-2010. Assim deixo um pouco mais de informações para contribuir nos dados referente a Marina Coli minha querida avó. Qualquer outras informações estou à seu dispor.

        Gostar

      2. Muito obrigada, Kairon. Já lancei as novas gerações no banco de dados, sempre mantendo o sobrenome na grafia original para que permaneçam vinculados à família. Os seus bisavós José Baqueiro Rodrigues e Maria da Conceição Carminati já faziam parte por ser ela filha dos imigrantes Giovanni Carminati e Angela Pagani que viveram na Colônia Agrícola da Constança.

        Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s