Zecchini ou Zachini?

Duas foram as razões para optarmos por responder aos comentários de nossos leitores através de novas postagens. A primeira é que o conteúdo nem sempre se relaciona à postagem onde foi feito o comentário. Tem sido comum receber perguntas sobre assuntos completamente diferentes e, se autorizássemos a publicação do comentário e ali o respondêssemos, seria difícil que outros interessados o localizassem.
O segundo motivo é a preservação do endereço de e-mail de nossos correspondentes. É fundamental que o leitor indique um endereço para resposta mas não queremos que sejam identificados pelos robots e se tornem alvo de spam. Por isto, ao mesmo tempo em que enviamos resposta direta a quem fez o comentários, publicamos aqui a nova postagem.
Um leitor pergunta se Zachini e Zecchini são o mesmo sobrenome e acrescenta que encontrou a forma Sachim e Sechine em sua família. O que podemos informar é que o genearca Gaetano Zecchini, procedente da Emilia-Romagna, era casado com Luigia Loffi e foi pai de Emma, nascida na Italia, e de Irma, nascida no distrito de Providência em 1899. O casal pode ter tido outros filhos que não localizamos.
De Antonio Zachini, casado com Annunciata Toccafondo, não temos informações muito seguras. É possível que ele seja o passageiro do vapor Les Andes que saiu da Hospedaria Horta Barbosa em 1887 com destino a Matias Barbosa. Neste caso, a origem da família é Arezzo, na Toscana e Antonio ficou viúvo ainda em Matias Barbosa, por volta de 1900. 
Os Toccafondo passaram ao Brasil em 1896 e também foram para Matias Barbosa. Annunciata Toccafondo e Antonio Zachini foram pais de Delina, nascida por volta de 1906 em Matias Barbosa e casada com Saul Antonio Maimeri, Francisco casado com Maria de Lourdes Rodriguez, Pedro casado com Nizia Lacerda, Helena e João.
Não temos referência às outras duas variações indicadas pelo leitor. Conhecemos apenas a forma Zaquine em Leopoldina, relativa aos descendentes do último casal acima citado.