A produção dos vultos nacionais no Segundo Reinado

Artigo de Armelle Enders, com o título O Plutarco brasileiro: a produção dos vultos nacionais no Segundo Reinado, publicado na Revista de Estudos Históricos da Fundação Getúlio Vargas em 2000.Resumo

Os historiadores, ao mesmo tempo que escrevem a história do Brasil durante o reinado de dom Pedro II, destacam vultos cuja memória deve ser preservada e cultuada. O panteão nacional assim erigido está em conformidade com um regime no qual se confundem fidelidade monárquica e patriotismo. A pedagogia via exemplo destina-se às elites do Império. O culto cívico é reservado à figura do monarca e se estende parcimoniosamente a seus principais servidores.

Texto disponível aqui: Enders

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s